UM ANO DE TRABALHO

0
51

Durante um período o CERIS terceirizou algumas de suas atividades; com o término do contrato a nova presidência resolveu que o próprio CERIS as retomaria. Queremos, neste momento, fazer um balanço do que foi possível realizar ao longo deste ano (julho de 2017 a julho de 2018). Começamos por finalizar a prestação de contas junto aos órgãos governamentais de contratos passados; em seguida, contratamos uma empresa para desenvolver um programa de gerenciamento que facilitasse Dioceses, Congregações, Institutos e Novas Comunidades no cadastramento dos seus membros. Com o novo programa pronto deu-se início ao cadastramento do clero nas dioceses, o que ocorreu nos meses de janeiro a maio de 2018; os dados coletados encontram-se em análise. No dia primeiro de junho começamos o censo das Congregações, Institutos e Novas Comunidades, com previsão de término para final de julho deste ano. Desta forma cumprimos a missão do CERIS que é a elaboração de pesquisas sócio religiosas, coleta e tratamento de dados da Igreja Católica. Em agosto/setembro iniciaremos a segunda fase do censo religioso com os dados já tratados e informaremos os resultados de forma a ajudar e subsidiar o planejamento da ação pastoral da Igreja no Brasil. A última fase será a publicação do Anuário Católico 2018.

SHARE
Previous articleO PROCESSO DO CENSO 2018 NAS DIOCESES

LEAVE A REPLY